Print Friendly

>

Para nosso almoço de sábado preparei uma deliciosa caldeirada de frutos do mar, digna de um restaurante :)
Usei um pedaço de filé de cação, mexilhões, camarões, lagostas, polvo e lulas. Primeiro passo, que eu não fotografei (desculpa aí heim?!), foi cozinhar o polvo na panela de pressão, junto com uma cebola, por 20 minutos (contados a partir da fervura). Depois, coloquei um caldeirão com água no fogo e quando ferveu mergulhei as lagostas por 3 minutos. Quando esfriou retirei os filés da casca e também cortei o polvo em rodelas. Em seguida reservei e temperei o restante, separadamente. Juntei o camarão e os crustáceos e temperei com limão, sal, pimenta-do-reino e uma colherzinha de chá de açafrão. Em outra vasilha coloquei o peixe cortado em cubos e temperei com limão, sal e açafrão.

Separei todos os ingredientes que eu ia usar! Retirei a semente do tomate e piquei bem miudinho, junto com um pimentão amarelo. Piquei também uma cebola e espremi uma cabeça inteira de alho, depois piquei um molho de coentro, um de salsinha e outro de cebolinha. Retirei o leite de um coco seco, separei o vinho braco, os azeites de oliva e de dendê e o sal.

Deixei tudo a mão e acendi o fogão à lenha! Esperei o fogo ficar bem forte!

Só então comecei o preparo! Coloquei no fogo uma panela de barro e cobri o fundo com azeite de oliva e 2 colheres de sopa de dendê. Deixei esquentar bastante.

Refoguei uma colher de sopa de sal, o alho e a pimenta-do-reino.

Na sequência refoguei a cebola, o pimentão e os tomates até começar a soltar água.

Coloquei um copo de vinho branco e deixe evaporar.

Juntei o leite de coco e mexi até a mistura ficar amarelada.

Deixei levantar fervura novamente.
Acrescentei a mistura de ervas (o coentro e o cheio verde).
Tampei a panela e deixei levantar fervura.
Quando ferveu novamente o molho base estava pronto. Corriji o sal e acrescentei uma colher de chá de pimenta calabresa, mas se você gostar de um molho mais picante coloque uma pimenta dedo-de-moça picadinha.
A partir do molho base fervendo, coloquei os peixes e crustáceos, mergulhando-os no molho.
Misturei cuidadosamente.
Quando levantou fervura, marquei 15 minutos e retirei a panela do fogo.
Com uma concha, retirei um pouco do caldo e coei em outra panelinha. Mexi um pirão com farinha de mandioca.
Coloquei mais um pouco de coentro fresco picadinho por cima da caldeirada e servi imediatamente.
Servi a caldeirada com arroz e o pirão, mas também ficaria delicioso com um risoto de camarão.
A Cacauzinha aqui cozinhava e admirava o visual das lanchas descendo o rio em direção a ilha de Santo Aleixo, que fica bem em frente a Toquinho!

 

Ilha de Santo Aleixo.
Amanhã tem mais, beijos!!